Avançar para o conteúdo principal

Os Legumes


Em muitos dos artigos aqui no nosso blog, já referimos diversas vezes a importância dos legumes e vegetais na nossa alimentação. Hoje publicamos aqui um artigo cujo autor nos dá informações essenciais sobre a alimentação actual, os perigos dos pesticidas e outros venenos a que os vegetais estão sujeitos, os melhores legumes que pudemos consumir sem haver tanto perigo para a nossa saúde e a importância de consumir alimentos de produção biológica.

Os melhores e os piores legumes

Não há dúvida de que a melhor maneira de melhorar a sua saúde é comer muitos vegetais frescos, de boa qualidade, se possível biológicos, cultivados localmente e consumidos principalmente crus ou mal cozidos.

Estou firmemente convencido de que este é um factor-chave para levar uma vida activa e plena. Do ponto de vista nutricional, esta é a única coisa que terá o maior impacto sobre sua saúde e longevidade, especialmente se ingerir os seus legumes em forma de sumos feitos por si.

No entanto, os legumes não são todos criados de forma igual, e os actuais agricultores e comerciantes, muitas vezes têm práticas francamente misteriosas:


Como criam eles estes legumes?

Eu sempre tive um pequeno terreno, onde cultivo os meus legumes. Mas como tenho muitos filhos, a minha mulher e eu também compramos muitos legumes no supermercado.

Embora escolhamos os vegetais biológicos, na medida em que o nosso orçamento permite, ainda assim, fico sempre espantado com a diferença entre os legumes do meu jardim e os da loja:

Tamanho, forma, aspecto: os legumes que saem do meu jardim são, no seu amadurecimento de todas as formas e tamanhos. Algumas cenouras são enormes, outras são minúsculas, muitas têm duas ou três raízes. Mesmo depois de terem sido lavadas com água, retêm ainda vestígios de terra e pequenas radículas em toda parte. Não entendo como é que os outros produtores fazem para terem cenouras todas iguais, regulares e brilhantes, como se fossem de plástico. O mesmo acontece, claro, com os tomates, as batatas, as maçãs, etc...

Gosto, cheiro, textura: como é que fazem para produzir legumes tão insípidos? Eu não faço ideia do que devo fazer para conseguir remover o cheiro dos meus tomates, reduzir o gosto das minhas cenouras, ou dar às minhas batatas ou às minhas saladas uma textura aguada, como têm as do supermercado. Eu só coloquei as minhas sementes no solo, tirei as ervas daninhas e reguei... e esperei que a natureza fizesse o seu trabalho. Por que os legumes que saem da terra, na minha casa são sempre incomparavelmente melhores do que os do comércio? 

Nem toda a gente tem a oportunidade de cultivar o seu lote, os olhos e o nariz são-nos de uma grande ajuda no supermercado. Um vegetal não-orgânico, mas que tem uma boa aparência e cheira bem, sempre é preferível do que nada. 
A frescura é também um ponto decisivo, porque muitos vegetais, como aipo, beterraba, espargos, pepino, perdem rapidamente os seus nutrientes após serem colhidos. Podemos chegar a um ponto, em que um vegetal da agricultura convencional, que é fresco, é preferível a um vegetal biológico envelhecido.


E os pesticidas?

Escolher bem os legumes, é também, evitar o risco de absorver:

• pesticidas;
• fertilizantes químicos;
• OGM;
• alimentos ionisados ou irradiados;
• metais pesados.

Segundo a Agência de Proteção Ambiental, 60% de herbicidas, 90% de fungicidas e 30% de inseticidas são cancerígenos, e também são perigosos para o sistema nervoso.

Estes produtos têm sido associados à doença de Parkinson, abortos, problemas de fertilidade, neurotoxicidade, perturbações do sistema hormonal (perturbadores endócrinos).

Vire-se para legumes biológicos, o que no entanto, sem oferecer uma garantia total parece ser a escolha mais certa. Mas o problema de orçamento, faz com que alguns de nós, não se possa alimentar exclusivamente de produtos biológicos.

Felizmente, nem todos os legumes são assim tão arriscados.

Os legumes, os mais e os menos contaminados:
  • As frutas e legumes mais contaminados com pesticidas, e que tem o maior interesse em comprar biológicos, são: pêssegos, maçãs, aipo, cerejas, peras, nectarinas, alfaces, espinafres, morangos, uvas, batatas e pimentões.

  • As frutas e legumes menos contaminados com  pesticidas, são: broculos, couves, cebolas, ervilhas (congeladas), milho doce, aspargos, kiwis, mangas, abacates, bananas e abacaxis.


Os melhores legumes para a saúde

Apesar da fruta e os legumes quem contem pesticidas, não deixam de fornecer o máximo dos benefícios na nossa saúde. Na realidade, temos que tentar privilegiar os legumes coloridos, especialmente os que são verdes e têm folhas, ricos em antioxidantes, vitaminas e minerais.

As batatas devem ser evitadas devido à sua elevada "carga glicémica" a batata é quase exclusivamente composta de amido. Depois de cozido, o amido transforma-se em glicose pura, desde que entra em contacto com a sua língua, e isso faz aumentar a taxa de açúcar no sangue, mais rápido do que se comer açúcar. Então, o que está errado com as batatas fritas, não é tanto o óleo em que elas são cozinhadas, como se pensava, mas a própria batata, porque é calcinada e especialmente queimada.

Também não se deve abusar dos legumes, que são ricos em açúcar, as beterrabas, as cenouras, as beringelas e as abóboras.

No entanto, não há nenhuma razão para limitar o consumo de outros vegetais. Por ordem alfabética: abacate, aboborinha, acelga, aipo, batata-doce, beterraba, broculos, cebola, chicória, couve de todos os tipos, incluindo couve-flor, couve chinesa, couve-rábano e couve-de-bruxelas, curgetes, endívias, erva-doce, espargos, espinafre, funcho, nabo, pepinos, pimentas, rabanete, repolho, salsa, saladas de todos os tipos e tomate.

Ao comer todos estes legumes regularmente, se possível, crus ou pouco cozidos, dará ao seu organismo os nutrientes necessários para o corpo se desenvolver e curar.

A melhor maneira de os ingerir é, comê-los inteiros, frescos e biológicos, se possível. Eu recomendo que pelo menos um terço da sua alimentação seja à base de legumes crus, e a melhor maneira de atingir este objectivo é fazer sumos de legumes, com os legumes frescos.

Mas o mais importante é comer legumes, qualquer que seja a forma, por isso não desanime, porque se não poder fazer sumos, uma vez ou duas vezes por semana. Mesmo se começar devagar, vai ver melhorias mais rápidas que irão incentivá-lo a aumentar gradualmente esse estilo de vida saudável.


À vossa saúde !


Texto original: JMD
Tradução: Eugénia Gomes

Comentários

Mensagens populares deste blogue

5-HTP, alternativa natural contra a depressão

DESCRIÇÃO

5-HTP é o acrónimo de 5-hidroxitriptofano (ou 5-hidroxi-L-triptofano). Trata-se de um composto que se encontra fundamentalmente no cérebro. O 5-HTP forma-se a partir do triptofano, um aminoácido natural presente na dieta. O triptofano é um aminóacido essencial, o que significa que não pode ser fabricado pelo organismo e que deve obter-se a partir dos alimentos, especialmente das proteínas. No fígado e no cérebro, o 5-HTP transforma-se num neurotransmissor muito importante denominado serotonina. Os neurotransmissores são mensageiros químicos que transmitem sinais entre os neurónios no cérebro. 
A ingestão do 5-HTP aumenta a provisão corporal desta substância, o que dá lugar a níveis aumentados de serotonina no cérebro. A serotonina, também denominada 5-hidroxitriptamina ou 5-HT, desempenha um papel muito importante no controlo do comportamento e do humor. Influi em muitas actividades cerebrais normais e também actua como um grande regulador da actividade de outros neurotransm…

Melatonina: Um sonífero natural

A União Europeia finalmente autorizou um produto natural que ajuda a dormir melhor: A Melatonina
Se me pede a minha opinião, as pessoas que interditaram esta substância natural durante tantos anos, sem qualquer argumento científico, considerando que os distúrbios do sono afectam 25 a 40% da população, cometeram um crime grave contra os seus concidadãos.
Mas sejamos positivos, e voltemos aos benefícios que se podem ter ao tomar a melatonina:
Um meio eficaz contra a insónia
Assim que a luz do dia enfraquece, a sua glândula pineal, que está localizado no seu cérebro começa a secretar melatonina. Esta substância, que é uma hormona natural, prepara o corpo para dormir e descansar.
Com efeito, a glândula pineal está directamente ligado ao nervo óptico: ela está em sintonia com a luz. É por isso que a melatonina é conhecida como a hormona que regula o relógio biológico, também conhecido como ritmo vigília-sono ou o ritmo circadiano. É por isso que as pessoas cegas, muitas vezes têm problemas …

Os terríveis malefícios da Candida Albicans

Quando está infectada de Candida albicans, dizemos que tem "sapinho" ou mais precisamente "candidíase", a infecção fúngica mais comum. Candidíase é mais conhecida, para o público em geral, na forma de "sapinhos", essas manchas brancas na boca e lábios, coceira horrível. Os “sapinhos” afetam principalmente crianças e pessoas com sistema imunológico debilitado, (pessoas tratadas com antibióticos, quimioterapia ou com AIDS). O diagnóstico é óbvio, a maioria dos médicos não se enganam
Mas, na realidade, as nossas sociedades industriais estão infectadas com Candida albicans, muito além de pessoas que sofrem de aftas: 90% dos americanos têm uma taxa mais elevada do que o normal de Candida albicans no intestino; 80 milhões de pessoas estão infectadas, e 70% são mulheres. 
Muita da população tem micoses nos dedos, sob as unhas e, muitas vezes: mais frequentemente colónias de Candida albicans.
Começa com pequenas espinhas vermelhas nos dedos. As unhas dos pés tor…